Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Juquinhas’

.

Republique-se.

.

Ele é o espírito doente que jamais deixa o cemitério.

Ele é o porta-voz dessa gente sem riso no rosto, sem amor pra dar.

Dessa gente que almeja a fama para moldar seu rosto ilusório.

Dessas pessoas com inveja, que não se entregam a ninguém, que não têm talento pra nada.

E ele é o corvo negro que escapou do cemitério porque parecia um menino.

Desde então ele despeja ódio para os que têm sede, calúnia, pra quem tem fome.

Ele é a voz do fracasso que atingiu o sucesso. Mas só tem ranço, só mágoa, não tem graça.

Hoje o menino cresceu, mas não sabe escrever.

E é lido por milhares que não sabem ler.

Mas nem eles, nem o garoto, se importam.

A mensagem sempre é dada:

“Nós somos filhos da inveja, e é só ela quem nos protege da dor”.

E sai por aí atirando bala, o menino juquinha.

.

Anúncios

Read Full Post »

E agora, inho?

.

16/03/2009 – 19h36

Receita prepara emissão do CPF em tempo real e atualização de dados pela internet;

Nos próximos quatro meses, o contribuinte passará a atualizar dados pessoais pela internet e obter CPF em tempo real, sem esperar até duas semanas pela emissão do documento. A novidade foi anunciada hoje (16) pelo secretário-adjunto da Receita Federal, Otacílio Cartaxo.

Chamado de Webservice, o sistema está em fase final de desenvolvimento, segundo Cartaxo. Com o serviço, o contribuinte que, por exemplo, mudar de endereço ou de sobrenome, poderá alterar os dados de sua própria casa sem precisar ir ao postos da Receita.

Em relação ao CPF, o documento continuará a ser emitido nas agências dos Correios, do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. A diferença é que o cartão será impresso e entregue na hora, enquanto atualmente o documento leva até 15 dias para chegar à casa do contribuinte. Leia mais aqui.

Sendo assim, a Receita não cometerá mais aquele famoso erro de enviar CPF indevido!  Mas  periga neguinho tentar tirar o terceiro CPF on-line!

.

Read Full Post »

.

Nota do Raphaello: Nossa gloriosa seção ‘no cu dos juquinhas’ volta com pompa e circunstância, pelas mãos do colaborador Carlinhos, de Botucatu:

jornalismo – substantivo masculino

Atividade profissional que visa coletar, investigar, analisar e transmitir periodicamente ao grande público, ou a segmentos dele, informações da atualidade, utilizando veículos de comunicação (jornal, revista, rádio, televisão etc.) para difundi-las.

com – preposição

Relaciona por subordinação e expressa os sentidos: companhia, acompanhamento, reunião; em companhia de
.
credibilidade – substantivo feminino
.
atributo, qualidade, característica de quem ou do que é crível; confiabilidade.

Fonte: Houaiss

.

Raphael e Amigos,  desde 20 de fevereiro tenho enviado uma pergunta ao Blog do Paulinho. Não é publicada e muito menos respondida, eis que anteontem(10/03), na seção: Pergunte ao Paulinho, nem enviar consegui, ele bloqueou meu IP, mas arrumei uma outra máquina e enviei o comentário que ficou aguardando moderação, mas obviamente não foi publicado nem respondido.

Gostaria de compartilhar com vocês, “printei” todos os “tocos” que tomei, seguem abaixo, tive o cuidado de copiar o link do post e também sempre o último comentário publicado antes do meu, para ficar mais fácil a posterior localização da publicação do meu, caso houvesse.

Das duas, uma: ou não tem a resposta para as perguntas ou tem, mas morre de medo dela!

Bela credibilidade!

.

Aos fatos:

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2009/02/20/vamos-ajudar-o-ezequiel/#comments

  1. Alberto Disse:
    Fevereiro 20, 2009 às 7:32 pm Parabéns pela postagem. É o tipo de iniciativa que dignifica o blog, apesar dos doentes que apareceram aqui para desviar o assunto, ou até para contestar a campanha para ajudar um ser humano que um dia foi ídolo da Fiel.

 

  1. Carlinhos-Botucatu-SP Disse: O seu comentário está aguardando moderação.

Fevereiro 20, 2009 às 9:19 pm Paulo, você cancelou o cpf indevido imediatamente após o recebimento, não foi? Não usou-o em nenhuma circunstância? Doutor Osmar equivocou-se, não é mesmo? Você não seria ardiloso a tal ponto! Não se aproveitaria dessa vantagem ilícita, certamente não!

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2009/02/24/pergunte-para-o-paulinho-43/#comments

  1. Fabio Alves Disse:
    Fevereiro 24, 2009 às 9:32 am Bom Dia paulinho ontem ouvi o programa de esportes da radio transamérica e o Godoi disse que te encontrar ele “te dá uma porrada “, oque aconteceu oque você falou dele. E o Dr. Osmar esta de processando.

 

  1. Carlinhos-Botucatu-SP Disse: O seu comentário está aguardando moderação.

Fevereiro 24, 2009 às 10:20 am Paulo, tudo bem, pulando muito carnaval?

Desculpe-me a insistência, mas gostaria de saber, e nunca aparece a pergunta, será que uso algum termo que te perturba? Ou será que você não tem a resposta?

É uma dúvida assaz perturbadora! O Doutor Osmar de Oliveira, baluarte corintiano da imprensa tupiniquim, citou seus dois cpf´s, em rede nacional, isto posto, pergunto:

Você cancelou o cpf indevido imediatamente após o recebimento(que segundo suas palavras, também foi indevido)?
Não usou-o em nenhuma circunstância? Doutor Osmar equivocou-se, não é mesmo? Você não seria ardiloso a tal ponto! Não se aproveitaria dessa vantagem ilícita, certamente não!

Como diria Silveirinha (do Pânico) : Conta um pouquinho pra gente!

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2009/02/26/a-mascara-esta-caindo/#comments

  1. marco Disse:
    Fevereiro 26, 2009 às 2:01 pm o filho dele é jornalista?

 

  1. Carlinhos-Botucatu-SP Disse: O seu comentário está aguardando moderação.


Fevereiro 26, 2009 às 2:41 pm Que coisa não??? Filho do Doutor Osmar, empresário! Barbaridade!

 

Mas me diga, com referência a incompetência da Receita Federal que lhe enviou CPF indevido:

Você cancelou-o imediatamente após o recebimento? Não usou-o em nenhuma circunstância? Você não seria ardiloso a tal ponto! Não se aproveitaria dessa vantagem ilícita, certamente não! Não agiria inescrupulosamente, “talequá” indivíduos a quem denuncia dia sim, dia também aqui, correto?

abç

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2009/03/03/pergunte-para-o-paulinho-44/#comment-75733

  1. Bruno Garcia Disse:
    Março 3, 2009 às 10:07 am Paulinho, parabens pelo blog.você acha que a CBF e ou o Dunga recebem dinheiro dos clubes europeus pra convocar sempre os mesmos jogadores? seria uma explicação para quase nunca algum jogador de time nacional ser chamado?

 

  1. Carlinhos-Botucatu-SP Disse: O seu comentário está aguardando moderação.


Março 3, 2009 às 10:10 am Olá Paulo. Terça é dia das perguntas sem respostas, vamos a elas:

Tendo recebido em sua casa um CPF indevido (essa Receita Federal! Não faz nada direito, imagine, mandar CPF duplicado para o contribuinte! Sisteminha marca barbante o deles!) cancelou-o imediatamente após o recebimento?
Não usou-o em nenhuma circunstância? Você não seria ardiloso a tal ponto! Não se aproveitaria dessa vantagem ilícita, certamente não! Não agiria inescrupulosamente, “talequá” indivíduos a quem denuncia dia sim, dia também aqui, correto?

um abraço.

P.S. Uia… PS de print screen, tô guardando aqui as perguntas enviadas, para uma compilação futura, quem sabe até lá você responda convincentemente!

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2009/03/03/pergunte-para-o-paulinho-44/

  1. David Disse:
    Março 3, 2009 às 3:46 pm Paulinho, confesso que na primeira vez que ouvi você no programa Estádio 97, fique recioso.
    Mas agora percebo uma grande vontade de mostrar a verdade no Corinthians.
    De onde vem essa vontade, apenas movida pela paixão ou teria outro motivo?
    Seria então você, capaz de mudar algo no todo poderoso enquanto temos esperança?

 

  1. Carlinhos-Botucatu-SP Disse: O seu comentário está aguardando moderação.


Março 3, 2009 às 4:46 pm Tendo em vista isto:

Henrique Disse:
Março 3, 2009 às 12:04 pm

Vc poderia explicar porque você possuía (possui) dois CPF’s

Paulinho; Só tenho um. Quando pedi 2ª via dele a numeração veio diferente e cancelei na receita federal. Facil de se comprovar no site da Receita.

Insisto:

Tendo recebido em sua casa um CPF indevido cancelou-o imediatamente após o recebimento? Não usou-o em nenhuma circunstância?

um abraço.

http://blogdopaulinho.wordpress.com/2009/03/10/pergunte-para-o-paulinho-45/#comments

Marcos Disse:
Março 10, 2009 às 4:56 pm

Paulinho vc é um Dallit ? kkkkk

Paulinho quem é mais gostosa ? Maíra ou Priscila ?

  • Carlos-Botucatu-SP Disse: O seu comentário está aguardando moderação.
  • Março 10, 2009 às 5:05 pm Prezado Paulo, não tenho achado a minha pergunta nos outros posts, e obviamente tua resposta, mas insisto porque é necessário que se separe o joio do trigo. Isto porque já dizia Cícero, “não basta à mulher de César ser honesta, ela tem que parecer honesta”. Então, pela sétima vez aqui vai ela:

    Você, tendo recebido indevidamente a segunda via de seu CPF (com o seu nome correto mas com um número incorreto) por incompetência da Secretaria de Fazenda da Receita Federal, quero acreditar, corrigiu imediatamente o equívoco, tendo informado a receita e cancelado, ato contínuo, o tal famigerado CPF em desacordo?

    Caso contrario, não teria você, inadvertidamente, sem querer, por engano, num lapso, enfim, utilizado esse CPF indevido?

    Alguém teria a resposta?

    .

     

    Read Full Post »

    .

    Este texto foi publicado originalmente aqui

    .

    Victor Ernesto Birner

    Eu não queria ter que fazer isso, então, por diversas e diversas vezes tentei contato com o amigo da foto ao lado.

    Seu nome: Victor Ernesto Birner, blogueiro, repórter da TV Cultura e comentarista da CBN.

    A história é longa (como ele mesmo diz, não existe mais estória com es), mas tratarei de resumir, começando pelo que mais me incomoda.

    Birner censura meus comentários. Todos eles, educados ou um pouco mais exaltados, mas ele os censura. Tem a típica atitude que os jornalistas neste país sempre criticam tanto, sempre brigam tanto para que não aconteça, enfim, ele me CENSURA.

    Por um lado tem seu direito: tem um blog próprio e escreve e aprova aquilo que lhe convém. Podemos aqui criticar a atitude, como faço, mas é seu direito.

    Acontece que o que me incomoda realmente é que ele libera de tudo. Tudo, desde piadas e ataques verbais até insinuações maldosas contra Palmeiras, Corinthians e quem diria, seu próprio clube do coração. Mas os meus comentários, TODOS eles, são censurados.

    Ultimamente voltei a escrever para ele. Birner tem algo que me agrada e não tem ironia neste comentário: ele tem uma extrema preocupação com seus leitores e responde a quase todos os comentários. Isso é louvável, primeiro porque se prontifica a ler, o que já é um bom começo, mas especialmente em razão de argumentar com seus leitores, o que demonstra boas doses de humildade.

    Mas voltando ao ponto central, os meus comentários, TODOS ELES, são censurados. Devo ter escrito uns 4 ou 5 nos últimos dias, um deles inclusive perguntando a razão para a censura, mas nenhum apareceu por lá. Birner os leu, porque lê todos como já disse, mas não publica.

    Em todos estes comentários busquei argumentar suas opiniões que, na minha opinião, são ruins. Birner não gosta dos estaduais. Mas eu gosto. Birner acha pontos corridos coisa de primeiro mundo. Eu acho uma bosta. Birner acha que o patrocínio do Palmeiras é sempre duvidoso. Eu acho que o do São Paulo, isso sim, é pouco explorado. Birner acha um monte de coisa que não acho nada e tantas outras que me importo e ele parece não ver. Somos, portanto, seres antagônicos e eu particularmente gosto de discutir com opiniões divergentes. Faz bem, exercita, melhora nosso senso crítico. Birner não gosta. Prefere discutir com moleques que passam o dia todo em comunidades do orkut lançando fofocas. Como já disse, é seu direito. E o meu é o de questionar isso.

    Tudo começou há muito tempo, e a história (com H) toda pode ser vista aqui. Foi uma situação chata, desnecessária da parte do jornalista e que de certa forma acendeu neste que vos escreve a sede por explicações sempre. Dali em diante fiz questão de acompanhar Birner mais de perto e ver sua paixão tricolor descambar do aceitável pro folclórico.

    Birner tem uma qualidade que respeito muito. É torcedor fanático, daqueles que frequentam as arquibancadas e escalam o time de 68 sem titubear. Isso é louvável e merece reverências. Principalmente porque torce pro time absorvente, aquele que pra quem usa só serve uma vez por mês. Isso não discuto e como explico aqui, até admiro.

    Por outro lado, Birner comete um pecado mortal em sua profissão. Ele tenta transparecer o profissional imparcial e não é. Sabe aquele papo do “ou caga ou sai da moita”? Ele está fora da moita com as calças arriadas. Não sabe conduzir seu blog com a imparcialidade que prega o que o torna, imediamente, suscetível a críticas.

    Tivesse Birner um blog dentro daquele SPNet eu sequer perderia meu tempo lendo. Caso Birner chutasse previsões de resultado começando com 7 gols para seu time, eu daria risadas. Mas não, ele insiste em comentar de tudo e todos como se tivesse a isenção de, sei lá, Alberto Helena. Não tem, pois vejamos:

    – O SPFC perdeu seu primeiro jogo após 22 partidas. fato considerável e respeitável, embora a derrota devesse ter ocorrido há mais tempo, no penalti não dado no Rodrigão ou no gol mal anulado do Botafogo. Mas é outra questão. Retomando, Birner viu seu time perder no domingo e como sempre faz após a rodada, lançou o post (apenas o título aqui, sem links) que segue:

    “Futebol pelo país” – Birner não quis nem saber de destacar a derrota do seu time, embora tenha feito três ou quatro linhas de comentários evasivos.

    E foram necessários apenas mais 10 minutos para que o post ficasse defasado. Tinha um novo prontinho no papel, que subiu na hora exata:

    “Paulistinha, sim” – Sabe qual o contexto? Diminuir o Paulistão e sua importância.

    Frente a isto tudo, fui obrigado a escrever para nosso amigo. Acho estranho que após uma derrota acachapante em casa e com o treinador mostrando que TPM de mulher é fichinha, Birner se preocupava em desqualificar o torneio. Sabe quando você é moleque e vai pra balada com os amigos e um deles fica com a garota mais bonita da noite? Ai, você e seus amigos para não dar o braço a torcer logo encontram um defeito na pequena e a partir dali qualquer comentário do garanhão vem acompanhado de piadas sobre isso? É mais ou menos por aí, e a turminha da balada, Birner, Kfouri pai e Laranjada (Paulinho) insistem em criticar porque, afinal, não pegaram ninguém.

    Outra vez escrevi a ele e perguntei, mais ou menos desta forma, se aquele trabalho era coordenado com a assessoria de imprensa do Morumbi. Claro que fui censurado.

    E tem sido assim, dia após dia. Decidi, entretanto, que continuarei a escrever para nosso amigo e meu primeiro comentário irá com o link deste texto. Quero entender a alma de Birner e assim me tranquilizar, não ficar pensando por ai que criei alguma inimizade. Justo ele que, mesmo sem saber, tem uns 3 amigos em comum comigo. Vai que eu o encontro em alguma festa qualquer dia, melhor entender antes o que pode acontecer para que eu me prepare.

    Afinal, se já começou com CENSURA é preciso entender o limite do homem (com H também, por isonomia).

    Birner, PORQUE RAIOS VOCÊ ME CENSURA???

    .

    Read Full Post »

    .

    Antes de mais nada, é preciso registrar que por aqui não confiamos em nenhum dos dois lados da pendenga. Nessa briga de ratos, no entanto, quem se diverte sou eu – e os leitores do Cruz de Savóia.

    Abaixo, reproduzo texto do Futebol Interior – que promete ser o primeiro de muitos – que diz ter descoberto a verdadeira índole de juquinha e sua gangue de inhos.

    É o único texto a respeito que reproduzirei, porque haja estômago para lidar com essa gente. Os amigos que se interessarem pelo desfecho dessa história podre terá de mergulhar em águas poluídas da internet: o blog do meia-boca ou pior, o site do futebol interior.

    Agradeço ao mais novo amigo desta página, Renato, que foi quem nos chamou atenção para essa matéria:

    .

    Campinas, SP, 20 (AFI) – Depois da divulgação da série de falcatruas que ele cometeu, incontestavelmente, como provaremos abaixo, nada do que ele disser ou escrever no futuro terá valor algum.

    É o fim de Juca Kfouri.

    Ele poderá continuar atuando na área, mas estará marcado definitivamente. Para atacar uma pessoa ou instituição ele é capaz de fazer qualquer coisa, mentir, inventar e inclusive TRANSGREDIR ACINTOSAMENTE A LEGISLAÇÃO. Já se suspeitava que ele agia assim, mas agora HÁ PROVAS a respeito.

    Como verdadeiro chefe de quadrilha Kfouri extrapolou todos os limites da ética e do bom senso e se tornou um deliquente comum. Aliciou comparsas de péssima índole e comandou um processo criminoso na rede mundial de computadores.

    Interceptou ilegalmente correspondência, adulterou documentos, falsificou e fraudou.

    Tal e qual o meliante habilidoso que recorta papéis, forja declarações e fabrica carimbos, Kfouri se transformou no primeiro jornalista-estelionatário da Internet.

    Após quase um mês de investigação oficial policial, o FUTEBOL INTERIOR começa a mostrar o resultado das mesmas e as ações delituosas cometidas.

    A pesquisa continua e o que descobrimos até agora pode ser só a ponta do iceberg. No campo abordado pelas apurações, há muito tempo Kfouri pode estar vivendo na mais pura marginalidade.

    OS FATOS

    Juca Kfouri, 60 anos, jornalista não diplomado, Leandro Santiago, oriundo do interior paulista e militando em Belém-PA, e o desconhecido Paulinho, que “escreve” em um Blog gratuito, formam o trio uspeito da crônica esportiva brasileira. Todos serão incursos em vários artigos do Código Penal Brasileiro. Violaram e manipularam e-mails exclusivos do Portal Futebol Interior.

    Com o Inquérito Policial em andamento, alguns fatos preliminares e surpreendentes começaram a ser descobertos. Através de rastreamento, apurou-se que o ex-funcionário do Futebol Interior, Leandro Santiago, invadiu criminosamente o servidor de e-mails da empresa e passou a monitorar, alterar conteúdo e enviar as informações obtidas de forma ilegal para Juca Kfouri.

    E este, aliciando e alaranjando o tal Paulinho (na verdade um semi-analfabeto) com informações mentirosas, desonestas, manipuladas e distorcidas, “incentivou-o” a publicar em seu Blog as correspondências eletrônicas obtidas de maneira criminosa, repita-se. Tais ilucitudes conseguiram envolver até entidades sérias, como a Federação Paulista de Futebol e a Aceesp – Associação dos Cronistas Esportivos de São Paulo.

    Opção pela justiça e legalidade

    Ao se deparar com a situação inusitada, o Futebol Interior, ouvindo seus advogados e a própria Polícia acionada pelos seus representantes legais, optou em não apresentar qualquer resposta às agressões em seus canais de comunicação.

    Como se configurava a existência de um verdadeiro bando, preferiu acionar o Poder Judiciário e comunicar os fatos às autoridades policiais de Campinas e São Paulo, através da Delegacia de Crimes na Internet ligada diretamente à Diretoria do DEIC já que se configurava a existência de uma dezena de crimes praticados contra o Futebol Interior, seus diretores, funcionários e colaboradores.

    (Na seqüência os infratores serão cobrados na Justiça também pelos prejuízos acumulados por danos morais, perdas econômicas e financeiras).

    Paralelamente a estes fatos, ocorridos a partir dos últimos dias de janeiro, o Futebol Interior manteve sua rotina enquanto as autoridades realizavam o trabalho que visa enquadrar os transgressores da lei.

    Mesmo agredido insistente e covardemente e, saliente-se, por orientação jurídica, sem publicar resposta às mesmas, o Site mostrou toda sua força e credibilidade.

    No referido mês de janeiro atingiu a marca de 18 milhões de acessos, a maior de um site esportivo independente no Brasil.

    Como foi executado o crime

    Provas concretas (abaixo, veja um dos e-mails) demonstram que Leandro e Kfouri estavam associados estavelmente, pelo menos, desde 27 de fevereiro de 2007!!!! Não há dúvida de que Kfouri sabia que Leandro estava interceptando criminosamente os e-mails do Futebol Interior.

    Isso faz de JK, como ele mesmo assina, cúmplice no crime. Maquiavélico, Kfouri não quis se envolver na primeira divulgação do material ilegal obtido por ele, imaginando com isso furtar-se dos delitos criminais. Mas as investigações estão apontando exatamente o contrário.

    Kfouri pegou os e-mails que vinha monitorando com Leandro e sem qualquer prévia checagem, determinou que Paulinho, seu mero laranja, publicasse estes e-mails em um blog gratuito da UOL antes dele. Depois, como se não tivesse qualquer participação nas interceptações, Kfouri divulgou este blog gratuito da UOL em seu próprio blog, tentando com isso se livrar da ação criminosa por ele comandada. Coisa de gente, além de desonesta, doente.

    Fez o mesmo em seu programa na Rádio CBN de São Paulo. Mentiu descaradamente aos ouvintes ao apresentar seu laranja como autor da “proeza”. Ambos dialogam sobre a mentira, com a naturalidade dos que estão acostumados a fazê-lo, conforme prova fita da emissora, já requisitada judicialmente. É um festival de hipocrisia e de atentado à legislação poucas vezes visto na imprensa.

    A direção do UOL colocada a par de toda a tramóia, surpreendeu-se com a ousadia das ações delituosas em seus próprios domínios.

    Como não poderia deixar de ser suspendeu definitivamente a hospedagem do blog gratuito no Portal. A existência de um blog com conteúdo inescrupuloso e linguagem vulgar como o que foi retirado defintivamente do ar apenas maculava seriamenre a imagem do UOL.

    Alertada, a empresa agiu da única maneira que poderia agir: banindo a fruta podre de suas páginas.

    O que diz a lei
    Este ato transgrediu a Lei 9.296/96, em seu Artigo 10, transcrito abaixo:

    Art. 10. Constitui crime realizar interceptação de comunicações telefônicas, de informática ou telemática, ou quebrar segredo da Justiça, sem autorização judicial ou com objetivos não autorizados em lei.

    Pena: reclusão, de dois a quatro anos, e multa.

    Confira a troca de emails, onde o próprio Leandro Santiago admite que a invasão poderia ser desmascarada. Nos próximos dias, o Futebol Interior irá fornecer mais provas dos crimes cometidos.

    De: Juca (blogdojuca@uol.com.br)
    Enviada: quarta-feira, 28 de fevereiro de 2007 16:20:53
    Para: Leandro Santiago Garcia (lecosantiago@hotmail.com)
    Subject: Re: A ética de Artur Eugênio Mathias

    leandro, ressentimento algum, vc tá maluco?
    e é claro que teria de te consultar. apenas supus que alguém lá de dentro te passava os e-mails, razão pela qual seria impossível detectar a fonte. e quando for a belém, te procuro. abs. jk

    From: “Leandro Santiago Garcia”
    To:
    Sent: Wednesday, February 28, 2007 5:35 PM
    Subject: Re: A ética de Artur Eugênio Mathias

    obrigado pela ética de ter me consultado sobre o email juca. se ja era teu fa, agora sou mais ainda.
    me desculpe por nao ter permitido a divulgação do email, mas foi por uma boa causa. o problema é q o sistema de emails do futebol interior é rastreado, ou seja, o webmaster se quiser, pode ter acesso aos acessos dos emails e de onde veio esse acesso. ele facilmente descobriria q houve um acesso vindo de belem do pará e todos saberiam q se tratava de minha pessoa, pois um de meus ex-chefes sabe que estou aqui.
    de qualquer forma, se nao houver ressentimentos, mantenho meu convite para vc e a equipe da espn brasil fazerem uma visita ate belem para vermos o remo na série b, o paysandu, a tuna luso e o ananindeua na série c, e tomar um bom tacacá
    abraços
    Leandro Santiago

    MORAL DA HISTÓRIA

    Não se trata mais de opinião ou análise de atitudes.

    Não é mais o caso de ter opiniões divergentes deste colunista, a quem o FUTEBOL INTERIOR não responde nem acha que possua mais condições morais de debater conosco.

    É caso judicial mesmo.

    E não é mais a nós do FUTEBOL INTERIOR que Kfouri tem de responder. É a polícia, primeiro. E, depois, ao(s) Juiz(es) de Direito.

    .

    Read Full Post »

    .

    by Raphinha

    (do blog do juquinha)

    Já que ninguém fala, direi eu.

    Está na hora de nós, são-paulinos de fina estirpe, tricolores de quatro costados, assumirmo-nos: somos bambis, sim senhor! Por que não?

    Depois de muito ruminar o assunto, agora, pondo em perspectiva, creio que o Vampeta prestou um grande serviço quando nos colocou o apelido.

    Jocoso, pra dizer o mínimo.

    Vamos falar claramente.

    Funciona assim: chamo alguém de bambi querendo associá-lo à homossexualidade, de forma a diminuí-lo ou desvalorizá-lo, como se isso diminuísse ou desvalorizasse quem quer que seja.

    E nós, tricolores, temos nos sentido ofendidos, sem lembrarmo-nos de que a ofensa só acontece quando o ofendido se dá por ofendido.

    Pleno 2008, quase 2009, século 21!

    Se futebol é coisa de macho, amigo, é também de mulheres e homossexuais, e de qualquer outra classificação em que se encaixe quem ama esse esporte.

    Tricolores hetero e homossexuais, são-paulinos civilizados, hexacampeões que querem ver cada vez mais distantes a barbárie e a selvageria que assolam este mundão de meu Deus, vamos assumir em coro: somos bambis, sim, senhor! Somos bambis! (…)

    Atentem agora para a intervenção do dono do blogue citado:

    “fosse são-paulino, o dono do blog assinaria embaixo.”

    .

    Nota do Cruz: aqui não se contraria ninguém…

    .

    muricy


    Read Full Post »

    .

    Está ficando tão fácil desmoralizar esse sujeito que a coisa começa a perder a graça. Prometo que é o último post a respeito, até que se faça necessário quebrar tal acordo com os leitores.

    E, para não deixar mais essa narrativa enfadonha, monótona, vou escrever tudo o que me passar pela cabeça em parágrafos de uma linha ou duas… Quem sabe assim o inho consiga ler.

    .

    Não tenho nada a ver com a vida do Rivale.

    Mas o inho não gostou da contração do Fenômeno.

    Porque a vinda de Ronaldo legitima essa diretoria e o inho tem outros interesses.

    Então hoje ele escreveu um post esculachando a diretoria, que dispensou Herrera.

    Disse que faltou respeito com o profissional.

    Herrera deu o sangue pela firma, mas a diretoria é corrupta. É o que ele diz.

    O inho sabe bem do que está falando.

    O inho tem uma empresa de motoboy, chamada “Schumacker Express“.

    Assim, com K mesmo, porque inho não estudou muito.

    O inho respeita seus funcionários. E admira quem sua a camisa.

    Olha só:

    .

    QUESTÃO DE IMAGEM

    Dono de uma empresa de entregas, Paulo Cézar de Andrade Prado, 35, trabalha com cinco pessoas e acha justificável o preconceito contra os motoboys.

    ‘Mais da metade dos funcionários que tive me lesou, sumiu dinheiro. Tem muita gente desqualificada, sem alternativa de emprego. Os poucos bons pagam por isso’, disse.

    .

    O inho deu essa entrevista em 21/01, ao Último Segundo.

    O perfil dele está aqui, para você comprovar que a empresa é dele.

    Aliás, ali você vê que essa é a comunidade preferida do inho:

    

    ******************************************************************

    Amici, este post só foi possível graças às conversas reservadas que mantemos entre nossos leitores na Comunidade do Cruz, que já entra na rede com o pé canhoto! A notícia da firma “Schumacker” foi postada pelo nosso amigo Thiago. Venha participar do nosso fórum e tenha acesso também à “cerejinha do bolo”.

    .

    Read Full Post »

    Older Posts »

    %d blogueiros gostam disto: