Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Mídia Palestrina’

.

Futebol é no estádio!

A turma do paletó cinza

Drogas no futebol: Pelé põe Ronaldo e Robinho ao lado de Maradona.

.

Read Full Post »

.

A rádio do Jornalismo Pago insiste até cair no ridículo.

O amigo Diego Laranjeira viu essa aberração e nos alertou: no intuito de difamar o Palestra, usaram agora o sujeito público mais brocha de que se tem notícia – o nêgo poderia ser o garoto-propaganda do Viagra fácil, fácil.

A tática se assemelha à daqueles times pequenos que adentram o Parque Antarctica e que, para não tomar o vermelho, fazem rodízio dos zagueiros incumbidos de passar o sarrafo no ataque do Verdão: quando já estão todos amarelados, aí não tem mais jeito… mandam o mais grosso arriscar a camisa na frente do juizão – e o burro vai.

Nesse ponto, tenho que bater palmas para José Silvério: por mais merda que ele tenha falado na vida, se afastou assim que pôde dessa rádio e dessa gente escrota que, graças a Deus, tem audiência próxima do traço.

.

A página de links ‘Mídia Palestrina’ foi totalmente reformulada; alguns blogues novos entraram e outros saíram, seja por falta de atualização ou porque me deu na telha, mesmo. Os melhores, no entanto, continuam presentes.

Vale ressaltar que não conheço todos os blogues verdes e, se me escapou algum, é só nos avisar via email que insiro o logo com a indicação da página.

Saudações Palestrinas! E viva Oberdan Catani, O ídolo, O Único!

.

Read Full Post »

.

Ô gordito filho da…

A melhor cantada do mundo

O Milan ligou

.

Read Full Post »

.

Alguns textos de hoje acabaram “encavalando” por um erro meu – portanto gostaria de deixar este aqui em primeiro plano, para quem não viu:

Todas as mensagens de apoio que os amigos enviaram foram repassadas ao nosso presidente, conforme prometido. A breve (e sincera) mensagem que vem de volta é a seguinte:

.

“Meus caros palestrinos,


Não sei se terei virtude e fortuna para corresponder a tanta esperança. Mas garanto que as energias de que disponho estão concentradas em fazer o melhor -talvez o quase impossível – para o Palmeiras honrar suas tradições.

Saudações,

Belluzzo”

Read Full Post »

.

“Faremos uma esfinge dos jogadores como uma moeda em uma placa no chão, com padrinhos torcedores. Quem quiser ser padrinho do Roberto Dias, por exemplo, vai dar um lance pela Internet. Os quatro maiores lances serão representados por estrelas na moeda”.

“É uma fórmula diferente e inédita, e esperamos que seja copiada, assim como copiaram varias outras coisas nossas”.

“É o São Paulo mais uma vez inovando nesta área, como já fez quando vendeu um pedaço da grama do Morumbi, por exemplo. O Palmeiras, Corinthians e Santos também estão evoluindo nesta área, e eu acho ótimo. Eu quero mais é que isso aconteça mesmo”.

.

As palavras acima refletem os devaneios megalomaníacos de Julio Casares – e revela seu gosto duvidoso por uma estética cafona (esfinges, moedas, ouro), bem parecida com a daqueles moradores mais ricos da Barra da Tijuca, que até clone da Estátua da Liberdade já fizeram, na esperança de imortalizar sua subserviência ao dinheiro.

Relevando-se essa impressão subjetiva, admitamos: em todo resto o vice-presidente de marketing do SPFW tem toda razão – seu time é pioneiro em quase tudo, e é difícil copiar a eficiência de tal clube. Senão vejamos:

1) O SPFW é o único time brasileiro que foi à falência duas vezes, e na mesma década.

2) O SPFW é o único clube do Brasil que construiu seu patrimônio sem esforço algum: roubou um estádio (o Canindé) do Germânia com a mão de ferro da ditadura, depenou o imóvel, vendeu para a Portuguesa e ganhou de presente do governo biônico de Adhemar de Barros um terreno para a construção de outro estádio. Na construção, como o próprio presidente do clube admite, cimento e areia foram desviados do Estado para ajudar o time da Ditadura a sair do chão.

3) O SPFW é o único time do país que ostenta 6 títulos nacionais vergonhosos:

em 1977 , na final contra o Atlético MG, o volante leonor Chicão pisou na perna do meia Ângelo até quebrá-la, na cara do juíz, no começo do jogo. Antes disso, já haviam conseguido, na calada da noite, a suspensão do ídolo Reinaldo daquela decisão.

em 1986, precisaram operar (e muito) o pobre Guarani, em Campinas, para sairem do Brinco de Ouro com o segundo troféu

em 1991, o título em si não poderia ser disputado pelos extelionatários do futebol, uma vez que o regulamento da CBF determinava que times de segunda divisão (em seus estados) não poderiam participar da primeira divisão do Nacional. O SPFW conseguiu o feito virando a mesa da FPF em 1990, quando o Nazi Club foi RE-BAI-XA-DO. Este é, talvez, o título mais ilegítimo dos cervídeos.

de 2006 a 2008, bem… não vamos nos repetir mais por aqui – basta consultarmos os dossiês da Mídia Palestrina, onde toda farsa bambi e seu esquema de arbitragens camaradas estão devidamente documentados. Madonna que o diga.

Enfim, Casares tem toda razão: tem coisas que só o SPFW faz por você.

.

Read Full Post »

.
Palaias e Gualtieris à parte, este blogue se confraterniza com a torcida Palestrina, com sua alegria e esperança – e se orgulha de ter ajudado um pouquinho a concretizar todo esse sentimento; assim, fica também meus aplausos para os mais de vinte blogues dessa rede que contribuíram para validar o sentimento de uma torcida e a indicação de Belluzzo.

Agora é torcer pelo óbvio.
.

Read Full Post »

.

Alex está certo? Não.

Para quem não jogou absolutamente nada no segundo semestre, ele poderia ter ficado quieto. No mínimo, deveria ir embora agradecendo a torcida do Palmeiras e só.

Mas é o seguinte, blogueiro Verde: se você acha que a Mídia Palestrina não tem muita importância, ou que essa nossa rede não é mais que um passatempo inconsequente, pense novamente. E repense.

Entenda que, nesses nossos dias, onde a informação não tem fronteiras, sua responsabilidade é sempre maior do que você pensa.

.

***********************

Robalinho, empresário de Alex Mineiro:

“- A cobrança em cima do Alex Mineiro foi injusta. Os 37 gols e a dedicação do jogador pelo clube não foram reconhecidos pela torcida do Palmeiras.”

O empresário de Alex Mineiro também afirmou que o comportamento da torcida do Palmeiras também o decepcionou. Em sites de torcedores alviverdes, o artilheiro estava sendo muito criticado

“- Não vou negar que a diretoria do Palmeiras fez um esforço para renovar o contrato. E nem quero entrar na parte financeira. Esse não foi o problema. O problema é que o Alex Mineiro foi deixado em segundo plano.”

.

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: